Violência nas rodovias – 6 pessoas morrem em acidentes registrados na região de Maringá

13558

Até o final da manhã deste domingo, 5 de julho, seis (6) pessoas morreram em três acidentes automobilísticos registrados em rodovias situadas na região de Maringá. Na PR-444 entre as cidades de Mandaguari e Arapongas, um motociclista de 47 anos perdeu a vida após bater uma Honda CG Fan 125, contra um GM Cruze. Marcos César Gonçalves que era morador da cidade de Arapongas, teve morte instantânea. O trágico acidente foi registrado na tarde deste sábado (4) e além das equipes de socorro, mobilizou também Patrulheiros da Policia Rodoviária Estadual.

Já na rodovia PR-082, mais precisamente no trecho que liga as cidades de Engenheiro Beltrão e Quinta do Sol, um pedestre morreu ao ser atropelado por um veículo não identificado. O atropelamento fatal ocorreu às 19h20 deste sábado (4), no KM 404 da rodovia. O socorro foi acionado, mas infelizmente o pedestre Wanderlei da Silva, de 56 anos, morador de Engenheiro Beltrão, não apresentava sinais vitais. O corpo dele foi removido e encaminhado ao IML de Campo Mourão. A PRE registrou o boletim de ocorrência, e o caso já foi repassado para a polícia judiciária.

Por volta da 01h00 da madrugada deste domingo, 5, três mulheres que ocupavam um GM Kadette com placas de Sarandi, morreram na BR-376 em Marialva. O carro que elas ocupavam colidiu frontalmente com um ônibus de turismo, do estado de São Paulo. A PRF informa que o Kadette trafegava pela contramão. A batida foi inevitável. O motorista do coletivo e 20 passageiros que viajavam sentido a região oeste do estado, nada sofreram. Já o condutor do carro foi socorrido apresentando ferimentos gravíssimos. Às vítimas não foram identificadas no local da tragédia. O acidente mobilizou um grande aparato de socorristas, além de médicos do Samu e Viapar. Os corpos das mulheres foram levados para o Instituto Médico Legal de Maringá. O Kadette ficou completamente destruído.

A violência nas rodovias não parou por ai. No final da madrugada de hoje, um jovem de 18 anos morreu no KM 206 da rodovia PR-158, no município de Peabiru. Maylon Henrique da Silva de Oliveira, ocupava um GM Astra da cidade de Engenheiro Beltrão e estava na companhia de outros 4 amigos. Pelo que foi apurado no local do acidente, através dos Patrulheiros da Policia Rodoviária Estadual, o carro trafegava pela rodovia no sentido Peabiru/Engenheiro Beltrão. No final da pista dupla, o motorista colidiu o automóvel contra uma placa de sinalização, desta forma o carro ficou desgovernado, chocou-se contra uma guard rail, na sequência saiu da pista de rolamento e capotou por diversas vezes em meio à várias árvores as margens da rodovia. O Astra ficou totalmente destruído.

O velocímetro do automóvel travou em 180km/h. Maylon não resistiu aos ferimentos e morreu no local. Já o motorista de 18 anos, e outros três passageiros (18,17 e 14 anos) foram socorridos apresentando ferimentos leves e moderados. Para atender as vítimas foram mobilizadas equipes do Corpo de Bombeiros, Samu, e Viapar. A princípio as vítimas são da cidade de Engenheiro Beltrão. As causas desses três acidentes, serão apuradas por Patrulheiros da Policia Rodoviária Estadual e Agentes da Policia Rodoviária Federal. Porém tudo será repassado a polícia civil (judiciária), que vai estar instaurando inquéritos para investigar as circunstâncias dos acidentes.

Colaborou: Tossinha/Anderson Domingos e Thedi Gonçalves