Aconteceu de novo – homem é flagrado espancando cachorro em Sarandi

1449

Na noite desta segunda-feira, 28, após tomar conhecimento, através da ONG Sociedade Protetora dos Animais de Sarandi, que um cãozinho vinha sofrendo maus tratos em um dos bairros da cidade, a polícia civil de Sarandi, sob o comando do delegado Adriano Garcia, mais uma vez entrou em ação para coibir esse tipo de crime, que infelizmente vem crescendo na nossa região. Através de uma filmagem, os policiais civis que estavam na companhia de uma voluntária da ONG, constataram o crime. No vídeo divulgado pela polícia civil, é possível ver um homem agredindo o cachorrinho. Diante desta situação revoltante, a equipe policial liderada pelo investigador Júlio Bandeira, esteve no imóvel situado no Jardim Itália, e acompanhou o recolhimento do animal pela Presidente da ONG, Dalva Freitas, que será abrigado.

VÍDEO DA AGRESSÃO 

O suspeito de agredir o cachorro, já foi qualificado e será indiciado em inquérito policial a ser instaurado, tendo em vista a ausência do flagrante ( constatação do fato no momento e captura do autor). O Delegado de Sarandi, destaca que foi criado um setor exclusivo para atendimento a esses tipos de ocorrências, que nos dias atuais, caso ocorra a situação de flagrante, ou seja a constatação imediata do delito, o agressor é detido e conduzido até a delegacia de Polícia Civil para serem tomadas as medidas necessárias.

“Pedimos que continuem denunciando esses crimee que configuram agressões covardes, a seres que, independentemente do carinho ou atenção do seu dono, sempre são a eles fiéis,” destacou o delegado. A polícia civil de Sarandi, disponibilizou a sociedade, um número para a realização das denúncias; (44) 9 9137 – 9773. Vale ressaltar que sua identidade será mantida em total sigilo. Recentemente um outro caso de maus tratos a um cachorro foi registrado na cidade. O cãozinho também foi levado para um abrigo, e o proprietário irá responder criminalmente. O delegado Adriano Garcia, vem se destacando em todo o estado do Paraná, pelo combate a esse tipo de crime. Em suas redes sociais (Facebook e Instagram) o delegado faz questão de postar fotos ao lado de alguns cachorros de sua prioridade, demonstrando o carinho que tem pelos animais.