Delegado de Marialva mantém na cadeia pai e mãe de bebê que sofreu tortura

1223

O delegado da cidade de Marialva, na região de Maringá, Dr.Rodolfho Vieira, atuou em flagrante os pais do bebê de 09 meses que a princípio foi torturado pelo próprio pai de 18 anos, que segundo a polícia é usuário de drogas. O indivíduo foi autuado pelos crimes de lesão corporal, tortura, desacato, e violência doméstica, já que ele também havia agredido a companheira de 22 anos. Porém a autoridade policial, também decidiu manter presa, a mãe da criança. Já o garotinho foi socorrido pela equipe da Defesa Civil, apresentando fratura de fêmur, queimadura no nariz causada por isqueiro, além de outras lesões.

A criança foi atendida no Pronto Socorro da cidade, porém por conta da gravidade dos ferimentos, uma equipe do Samu realizou a transferência para ala pediátrica do HU de Maringá. As autoridades policiais tomaram conhecimento deste fato revoltante, através da avó materna do bebê. Na manhã desta sexta-feira, 22, a avó foi até a residência do casal no Conjunto Residencial Zambaldi, e se deparou com o neto machucado. Diante desta situação, a mulher comunicou a Polícia Militar.

Ao chegar no imóvel, os policiais constataram o fato e conduziram o casal até a delegacia de Polícia Civil, para serem tomadas as providências cabíveis. A princípio uma moradora do bairro também teria acionado a polícia. O caso chocou os moradores da capital da uva.

Reportagem: Anderson Corujão

Colaborou: Notícias de Marialva e Tribuna Interativa