Sarandi – Polícia Civil investiga morte de criança recém-nascida

1067

A Polícia Civil da cidade de Sarandi, na região metropolitana de Maringá, está investigando a morte de uma bebê de apenas 30 dias. A recém-nascida foi encontrada morta pela própria mãe, na manhã desta segunda-feira (03/05), no Conjunto Mauá. De acordo com o Boletim de Ocorrência, a mãe relatou aos policiais que a criança foi encontrada por ela na noite de ontem (domingo/02), caída ao lado da cama onde a recém-nascida estava deitada.

Ao avistar a filha caída e chorando, ela pegou a bebê no colo e a amamentou. Ao perceber que a filha já estava bem, ela deitou com a criança e as duas dormiram na mesma cama. Hoje por volta das 07h00 quando a mãe acordou, percebeu que a filha estava sem respirar e com sangue no nariz.

Com a criança no colo, a mãe pediu ajuda para uma vizinha. A recém-nascida foi levada ao UPA – Sarandi. De acordo com o médico da Unidade Hospitalar, a bebê já chegou sem vida e tinha algumas manchas avermelhadas no corpo.

O Instituto Médico Legal (IML), e a Delegacia de Polícia Civil de Sarandi, através do setor de homicídios, foram acionados. O corpo da bebê R.A.D.S,  de 1 mês foi levado para o IML para exames cadavéricos (necropsia). Em um primeiro momento, a PCPR, informa, que a investigação por enquanto, é para saber o que houve de fato na casa. O delegado Adriano Garcia Evangelista, aguarda o resultado do laudo oficial do Instituto Médico Legal, que irá apontar as reais causas da morte.