Indivíduo tomba morto ao reagir abordagem da PM

1518

Um indivíduo de 23 anos, que era monitorado através de uma tornozeleira eletrônica, tombou morto ao reagir há uma abordagem da PM. O caso ocorreu na noite desta quinta-feira (27) entre as cidades de Mandaguari e Jandaia do Sul.

De acordo com as informações, uma equipe da PM recebeu uma denúncia anônima, a respeito de um casal que ocupava um veículo Ford Ká, de cor preta. O denunciante relatava que o indivíduo, que ocupava o carro, estaria praticando o tráfico de drogas na região.

Diante da denúncia, a equipe Rotam intensificou o patrulhamento na área urbana de Jandaia e também na rodovia BR-376. Em um certo ponto da rodovia, os policiais avistaram o veículo suspeito. Foi dada a ordem de parada, mas em um primeiro momento os ocupantes do automóvel empreenderam fuga. Durante o acompanhamento tático, os militares lograram êxito em abordar o Ford Ká.

O veículo era conduzido por uma moça de 20 anos, que estava na companhia de um rapaz, a princípio namorado dela. Ao realizar os procedimentos de praxe em uma abordagem policial, Rafael Castro começou a desacatar os policiais e tentou fugir a pé. Os policiais foram atrás para realizarem a detenção do abordado, mas nesse momento o indivíduo teria apontado um revólver na direção da equipe Rotam.

Um dos policiais revidou, vindo a atingir fatalmente o indivíduo que estava em fuga. Na sequência o socorro foi acionado, mas o ex-presidiário, já estava em óbito. A polícia informa que Rafael tinha envolvimento com o tráfico de drogas. Ele portava um revólver calibre 32. Recentemente, esse mesmo indivíduo já teria se envolvido em uma situação de confronto com a polícia. O corpo do meliante foi removido e encaminhado para o IML de Apucarana.

Fotos e informações: André
Amaral/Ronaldo Alves Senes – Berimbau