Empresário desaparecido foi vítima de latrocínio – quatro pessoas foram presas

1834

O corpo do empresário Eclair Mestriner, 63 anos, foi encontrado no início da tarde desta segunda-feira, 27, as margens do Rio Pirapó entre as cidades de Ângulo e Flórida (a aproximadamente 50 quilômetros de Maringá). Ele estava desaparecido desde sexta-feira(24). A última vez que foi visto foi em Porto Rico. Ele estaria acompanhado de duas jovens.

O carro do empresário, um Toyota/Corolla foi visto no domingo, 26, em Santa Fé (PR), com duas jovens (irmãs) uma delas menor de idade. O veículo não tinha alerta de furto, porém, uma equipe da Polícia Militar ao indagar as ocupantes, apurou que as jovens teriam envolvimento no desaparecimento do empresário.

Na sequência, em diligências, policiais militares e civis de Paranavaí e Maringá, encontraram dois rapazes que também teriam participação no caso. O empresário era divorciado e morador da cidade de Paranavaí. Era proprietário de uma loja de pneus e um auto center. Um revólver e munições que estavam com os suspeitos foram apreendidos e serão periciadas.

Adão Rodrigues, delegado chefe da 09ªSDP, relatou que as quatro pessoas detidas, foram autuadas em flagrante, e responderão pelos crimes; latrocínio (roubo seguido de morte), formação de quadrilha, e ocultação de cadáver. O caso segue sob investigação por parte da PCPR.

Com informações da PCPR e Roy News / Fotos – Eduardo Leandro…